Equipamentos de monitorização

Tempo de leitura: 2 minutos

Os equipamentos de monitorização são responsáveis por inspecionar os sinais vitais dos pacientes. Normalmente, esses aparelhos são utilizados em home care, UTI, CTI, ambulâncias, dentre outros. Alguns desses equipamentos que fazem esse tipo de controle são os monitores multiparâmetros, os cardioversores e os desfibriladores.

 

Os monitores multiparâmetros possuem a função de realizar medição intermitente e contínua das variáveis fisiológicas, com o objetivo de avaliar, alertar e prevenir possíveis problemas, fazendo com que seja possível realizar uma terapia imediata e adequada.

 

Antigamente, essa monitorização realizada pelo monitor era feita de forma individual, mas, atualmente, com a evolução da tecnologia dos equipamentos biomédicos, foi possível unir todos esses dados em um único aparelho. Esse equipamento passa por diversos sistemas de qualidade, seguindo as normas exigidas para que chegue ao hospital em perfeito estado.

 

A RDC-07 determinou que todos os monitores precisam ter, no mínimo, os seguintes parâmetros básicos: eletrocardiograma, respiração, pressão não invasiva, oximetria e temperatura. Existem também parâmetros intermediários e avançados que podem ser acrescentados ao equipamento.

 

Fisiologicamente, os parâmetros dos monitores correlacionam-se com algumas funções do corpo humano, por exemplo, o débito cardíaco, o eletrocardiógrafo, o PNI e o PI estão relacionados com o coração; a oximetria, a capnografia e os agentes anestésicos, com o sistema respiratório; o índice bispectral e a transmissão neuromuscular se associam com o sistema nervoso do corpo humano.

 

O desfibrilador e os cardioversores são outros equipamentos que também auxiliam na monitorização do paciente e têm por objetivo reverter um quadro de arritmia, fazendo com que, através de um choque elétrico, o coração volte a bater normalmente. 

 

A diferença do desfibrilador para o cardioversor é que, no caso do cardioversor, o choque só é aplicado no momento em que é identificada a onda R no coração, sendo assim sincronizado. Já o desfibrilador entrega o choque a qualquer momento.

 

Toda essa monitorização é extremamente importante para o controle da vida. Devemos ficar atentos à higienização e às manutenções preventiva e corretiva desses equipamentos. Aqui no Arkmeds Academy, nós temos diversos cursos de engenharia clínica voltados para esses equipamentos. Caso você tenha interesse em receber mais informações, acesse nosso site e entre em contato com o time!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *