COVID-19: o que Engenheiros Clínicos estão falando e fazendo (+5 dicas)!

Tempo de leitura: 4 minutos

Caros colegas, o COVID-19 está avançando cada vez mais pelo mundo e medidas drásticas estão sendo tomadas para contê-lo. A maioria das empresas já possuem equipes fazendo home office, restaurantes, bares e shoppings estão sendo fechados e as ruas esvaziadas para evitar aglomerações. 

No entanto, nós como Engenheiros Clínicos, não podemos nos ausentar das instituições nesse momento crítico, pois a nossa missão é garantir o melhor desempenho das tecnologias e infraestrutura para proporcionar segurança no tratamento dos pacientes. O único jeito, é tomar o máximo de cuidado e se prevenir, pois a caminhada ainda será longa. 

Nesses últimos dias, conversei com diversos engenheiros em todo país e a única diretriz que estão sendo orientados a seguir, em praticamente todos os casos, é agir em cima das adequações necessárias para atender às vítimas do coronavírus. Estão elaborando planos de ação e contingência, remanejando equipamentos e alterando estruturas físicas. Isso tudo para servir como um apoio à operação. 

Nas conversas, procurei levantar o máximo de informações para poder compartilhar com os colegas e todos poderem se ajudar, e assim, desacelerarmos a curva de vítimas ao coronavírus. Vamos às dicas….

ele escape para outras áreas, ele é retirado com uma pressão controlada, eliminando, assim, contato com outros pacientes. 

DICA 01 – COVID-19 x Engenharia Clínica

A primeira delas é em relação aos equipamentos médicos que irão dar suporte ao tratamento. Devem realizar um mapeamento da disponibilidade e capacidade de todos os equipamentos que possuem no hospital, em especial ventiladores, monitor multiparâmetro, bombas de infusão e cardioversores. Verificar se estão com manutenção e calibração em dia, se é preciso treinar as equipes da operação, se possui insumos e sensores na quantidade suficientes. 

Inclusive disponibilizamos um material completo a respeito dos ventiladores pulmonares que são essenciais nesse momento (você pode acessá-lo aqui).

DICA 02 – COVID-19 x Engenharia Clínica

Outro ponto que devemos nos atentar é na quantidade de equipamentos disponíveis, pois pode ser que seja o caso de ativarmos políticas de empréstimo, pensando na pulverização dos pacientes (ps: ser muito rigoroso no momento em que receber esses equipamentos na sua instituição, lembrem-se nem sempre você terá acesso a ficha-vida dele). Os hospitais estão comprando e locando muitos equipamentos, praticamente, não existe mais oferta para locação e os fabricantes não estão preparados para demandas superdimensionadas. 

DICA 03 – COVID-19 x Engenharia Clínica

Será necessário redobrar a atenção no manuseio e transporte dos materiais para reprocessamento. A equipe deve lembrar sempre da importância da utilização dos EPI’s.  Os procedimentos de higienização também se tornaram mais rigorosos. Intensificar a limpeza interna dos equipamentos quando sofrerem manutenção para evitar propagação, caso esteja contagiado pelo vírus. 

DICA 04 – COVID-19 x Engenharia Clínica

Se tratando de infraestrutura, disparado no ranking de cuidados, é quando estamos tratando de ambientes com pressão negativa. Muitos locais estão improvisando e readequando ambientes para receber pacientes críticos, caso o número de leitos de UTI não seja suficiente. É importante ressaltar que o ar presente nesse ambiente possa estar infectado com o vírus e para evitar que ele escape para outras áreas, ele é retirado com uma pressão controlada, eliminando, assim, contato com outros pacientes. 

DICA 05 – COVID-19 x Engenharia Clínica

Algo que já é rotina dentro dos hospitais se tornou também ponto de extrema atenção. Checar com muito cuidado a régua de gases medicinais, verificar se as saídas encontram-se dentro dos padrões, em especial nos ambientes críticos. Além disso, como haverá uma demanda muito mais alta que o comum, vale verificar a capacidade da rede de energia e conferir se os geradores estão com as manutenções em dia para que não ocorra nenhuma surpresa. 

 

Acreditamos que só conseguiremos combater o COVID-19 através de uma construção em equipe. Engenharia Clínica aliada à Manutenção, dando total apoio e suporte necessário para que a operação exerça o seu papel da melhor forma possível. 

Nós, da Arkmeds, também fazemos parte desse time e estamos contribuindo através das nossas soluções para superarmos juntos essa pandemia do coronavírus.

 Além disso, disponibilizamos gratuitamente nesse período o nosso curso sobre Ventilador Pulmonar para que todos tenham acesso ao máximo de informação que seja importante para superarmos esse momento:

Acessar curso gratuito: Tudo sobre Ventiladores Pulmonares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *